Na última matéria vimos dicas para conservar as suas panelas. Agora conheça a história e veja mais três receitas do delicioso crepe.

Os primeiros registros da preparação dos Crepes datam do século I, pelo gastrônomo romano Apicius, autor do receituário De re coquinaria. Cozidas no ferro quente iam à mesa recheados com mel e pimenta.

Porém, os italianos garantem que os Crepes surgiram no século V, quando peregrinos franceses, movidos pela fé, chegaram a Roma, para a Festa della Canderola. O papa Gelasio, vendo-os famintos, mandou abastecer a cozinha do palácio pontifício com ovos, sacos de farinha e litros de leite. Surge o crepe, então, ao acaso, e depois levado à França por esses mesmos peregrinos.

A palavra Crepe, de origem francesa, quer dizer crespo, uma referência bem propícia à textura da massa após frita em frigideira ou chapa de metal, sempre untadas com manteiga.

Originalmente esse alimento era feito sobre uma chapa de metal, sendo que a receita doce levava farinha de trigo integral, ovos, leite, água, açúcar e baunilha. A salgada, também chamada de “galette”, tinha trigo sarraceno, água e sal.

Com o passar do tempo, novos ingredientes passaram a acompanhar os Crepes, doces ou salgados, simples ou sofisticados, em diferentes localidades.

Os franceses tem diversas histórias ligadas aos Crepes, cuja forma e composição resistem até hoje. Em torno delas existem superstições que animam as noites frias em que costumam ser servidos. Uma delas é levar cada convidado a preparar o seu, formulando um desejo antes de jogar o crepe para o ar. Se cair aberto e do lado certo, o desejo será imediatamente atendido. Caso contrário, só poderá voltar a ser formulado no inverno seguinte. Outra é tentar jogá-lo para o ar, segurando a frigideira apenas com uma das mãos, mantendo a outra ocupada com uma moeda de ouro. Se cair certinho, serão garantidas ao felizardo equilibrista melhores oportunidades e riqueza.

Essas superstições têm origem na Idade Média. Em muitas regiões os camponeses tinham o costume de deixar um crepe aberto na cozinha para atrair sorte e afastar o fantasma da fome. É que os crepes, pelo seu formato e cor, lembravam as moedas de ouro usadas na época, os famosos “luíses”, cuja denominação se referia aos diversos reis com o nome “Luís” que a França conheceu. Não tendo um “luís” real, tinham o crepe.

É possível também que haja relação com as tradições dos camponeses normandos. Durante uma das festas comemoradas pela igreja francesa, os camponeses se apresentavam diante dos senhores feudais com um timbale. Dentro, levavam uma moeda de prata e um crepe. Um deles, escolhido ao acaso, era encarregado de fazer soltar o crepe. Se ele caísse aberto dentro do timbale, os camponeses eram beneficiados com a redução dos impostos sobre a colheita. Daí a conotação de sorte que passou através dos tempos.

A Bretanha é o local onde o Crepe é mais difundido, em algumas regiões da França apenas os bretões, nascidos na península ao noroeste do país, podem fazer o prato. Nesse pequeno cantinho da França o Crepe é consumido o ano todo, acompanhado por uma xícara de Cidre, uma bebida à base de maçã.

Prato, sobretudo rural, o crepe alçou voo para as mesas mais sofisticadas, preparadas com produtos exóticos e raros. Atualmente, são servidos de todas as formas: salgados ou doces; simples ou recheados; abertos, enrolados ou empilhados; como sobremesa ou entrada. Apesar de requintados, hoje nos recheios, os crepes mantêm desde a Idade Média a mesma forma simples e rápida de preparação.

Lembrando que para você cozinhar com qualidade use o Gás LP da Supergasbras, comercializado e distribuído pela Rescaroli, em Itajaí, Balneário Camboriú, Navegantes, Camboriú, Brusque, Ilhota, Gaspar, Luiz Alves, Penha, Balneário Piçarras, Barra Velha e Nova Trento.

Receita de Crepe de Laranja com Nutella

Ingredientes

  • 2 ovos em temperatura ambiente
  • 50g de açúcar
  • 50g de manteiga em temperatura ambiente
  • 3 colheres de sopa de leite
  • Raspas de 1 laranja
  • 40g de farinha
  • 1 pitada de sal
  • 1 colher de sopa de óleo de milho
  • Nutella

Modo de Preparo

Em um recipiente, com auxílio de um fouet, bater os ovos e juntar o açúcar.

Adicionar a manteiga, o leite e as raspas de laranja misturar bem e, em seguida, juntar a farinha, o sal e mexer até obter uma massa bem lisa.

Em fogo médio, aquecer uma frigideira, pincelar com óleo e dispor uma porção de massa de modo que cubra toda base da frigideira.

Quando as bordas estiverem douradas, virar para dourar o outro lado.

Servir com Nutella e polvilhar um pouco de açúcar de confeiteiro.

Receita de Crepe de Coco e Doce de Leite

Ingredientes

  • 2 ovos em temperatura ambiente
  • 50g de açúcar
  • 50g de manteiga em temperatura ambiente
  • 3 colheres de sopa de leite de coco
  • 40g de farinha
  • 1 colher de sopa de coco ralado
  • 1 pitada de sal
  • 1 colher de sopa de óleo de milho
  • Doce de leite
  • Açúcar demerara

Modo de Preparo

Em um recipiente, com auxílio de um fouet, bater os ovos e juntar o açúcar.

Adicionar a manteiga, o leite de coco, misturar bem e, em seguida, juntar a farinha, o coco ralado, o sal e mexer até obter uma massa bem lisa.

Em fogo médio, aquecer uma frigideira, pincelar com óleo e dispor uma porção de massa de modo que cubra toda base da frigideira.

Quando as bordas estiverem douradas, virar para dourar o outro lado.

Servir com doce de leite e polvilhar açúcar demerara por cima, utilizar o maçarico até que forme uma crosta açucarada.

Receita de Crepe de Chocolate com Morango

Ingredientes

  • 2 ovos em temperatura ambiente
  • 100g de achocolatado
  • 50g de manteiga derretida
  • 3 colheres de sopa de leite
  • 1 colher de chá de essência de baunilha
  • 40g de farinha
  • 1 pitada de sal
  • 1 colher de sopa de óleo de milho
  • Morangos picados
  • Calda de chocolate branco

Modo de Preparo

Em um recipiente, com auxílio de um fouet, bater os ovos e juntar o achocolatado.

Adicionar a manteiga, o leite e a baunilha misturar bem e, em seguida, juntar a farinha, o sal e mexer até obter uma massa bem lisa.

Em fogo médio, aquecer uma frigideira, pincelar com óleo e dispor uma porção de massa de modo que cubra toda base da frigideira.

Quando as bordas estiverem douradas, virar para dourar o outro lado.

Servir com morangos picados e calda de chocolate branco.

Fonte: Portal Educação e Tastemade

Gás para Cozinha em Nova Trento / Santa Catarina

O melhor gás para a sua casa é o da Supergasbras, fornecido pela Rescaroli. O famoso botijão de 13 kg possui combustão controlada e excelente poder calorífico, o que significa mais agilidade para esquentar e cozinhar alimentos.

Não fique na dúvida, gás de cozinha em Itajaí, Balneário Camboriú, Navegantes, Camboriú, Brusque, Ilhota, Gaspar, Luiz Alves, Penha, Balneário Piçarras, Barra Velha e Nova Trento é Rescaroli, é Supergasbras! Peça pelo site clicando no botão abaixo.